Dicas de Parques pra conhecer em São Paulo

São Paulo é conhecida por ser uma cidade urbana, com muitos prédios e carros, mas ela também oferece muita área verde pra quem procura ter contato com a natureza, relaxar e respirar um ar puro. Por isso fizemos uma lista com algumas dicas de Parques pra conhecer em São Paulo, confira abaixo as dicas:

1 – Parque Ecológico Tietê

O Parque Ecológico do Tietê (Centro de Lazer Engenheiro Goulart) tem uma área equivalente a 5 Central Parks ou a 11 Ibirapueras. Tem muita coisa para fazer no parque, como pista de bicicross e atletismo, trilhas, ciclovia, várias quadras e campos, lago com pedalinho, passeio de trenzinho,triciclos e muito mais e vale a pena a visita.

MAIS INFORMAÇÕES

2 – Parque Burle Marx

O Parque Burle Marx é feito para todos curtirem, pra quem quer descansar, o parque oferece uma grande área gramada pra você estender sua toalhinha deitar e relaxar. Pra quem quer fazer piquenique, tem uma área específica para isso. Também pra quem quer passear com as crianças, tem um espaço com várias opções pra criançada se divertir bastante.Quem gosta de fazer trilha o Parque oferece 3 opções: A trilha dos lagos, com 350m. A trilha da Nascente com 850m e a Trilha dos Macacos com 1.050m.

MAIS INFORMAÇÕES

3 – Parque da Independência

O Parque da Independência foi inaugurado em 1988 no bairro do Ipiranga, além de ser um marco histórico nacional, fazendo parte do patrimônio histórico nacional brasileiro. É também, uma ótima opção pra quem quer andar de bicicleta, long, skate, patins, patinete, passear com o cachorro, fazer picnic ou apenas descansar podendo visitar também em sua área a Casa do Grito, o Monumento da Independência e Cripta Imperial , o Museu Paulista (Museu do Ipiranga) e logo atrás fica o Museu de Zoologia da USP.

MAIS INFORMAÇÕES

4 – Parque Cidade de Toronto

Criado em 1987 pelas prefeituras da cidade de São Paulo e de Toronto, no Canadá, sendo ideal para todas as idades, lá é permitido fazer um churrasco com os amigos / família, possui aéreas para levar os filhos para brincar, fazer uma caminhada em volta do lago ou simplesmente sentar na grama para descansar da correria de São Paulo e admirar a vista do lago e de todo verde do parque.

MAIS INFORMAÇÕES

5 – Parque Villa Lobos
Av. Prof. Fonseca Rodrigues, 2001 – Alto de Pinheiros

Todos os dias: 5:30h às 19h

O Parque Villa Lobos foi inaugurado no final de 1994, possui 741 mil m² de área verde, ciclovia, playground, ilha musical para shows e concertos. A área de lazer inclui ainda aparelhos para ginástica, pista de cooper, tabelas de basquete, quadras para futebol de salão, quadras para tênis, além de quadras poli esportivas, campos de futebol, 2,4km de pistas para caminhadas, 3,5km de ciclovia. Um anfiteatro aberto de 729 m², com 450 lugares, sanitários adaptados para deficientes físicos, lanchonete, biblioteca, orquidário e 750 vagas para estacionamento, além de também pode alugar patins, bicicletas e skates.

MAIS INFORMAÇÕES

6 – Parque Ibirapuera

Desde 1954, o Parque Ibirapuera nos encanta com seu tamanho são 158 hectares, com muito a fazer lá, com tudo é um dos parque mais visitados da cidade, lá você pode encontrar: Museus, Obras de Arte, Pista para Caminhada, Aparelhos de Ginástica, Ciclovia, Quadras, Playground, Planetário, Quiosques e muito mais.

MAIS INFORMAÇÕES

7 – Parque Estadual da Cantareira

Parque Estadual da Cantareira possui diversas trilhas, uma das mais legais é para Núcleo Pedra Grande para chegar até lá, é necessário caminhar 9.600m (ida e volta). A trilha é considerada de alto nível de dificuldade, mas todo o percurso é asfaltado, o que facilita mas também ao chegar todo o esforço é recompensado pela vista única da cidade de São Paulo.

MAIS INFORMAÇÕES

8 – Parque da Luz

O Parque da Luz é o parque público mais antigo da cidade de São Paulo, foi inaugurado em meados de 1800 como um viveiro de plantas, mas com a reforma do Jardim em 1825 a cidade ganhou seu primeiro passeio público aberto para população, onde todos poderiam passear e contemplar a natureza. O Parque também possui área para crianças, coretos, gruta com cascata, equipamentos de ginástica, pista de cooper, lagos, chafariz, exposições permanentes de esculturas e além de tudo isso ele está localizado ao lado da Pinacoteca do Estado de São Paulo e em frente ao Museu da Língua Portuguesa.

MAIS INFORMAÇÕES

9 – Jardim Botânico de São Paulo

O Jardim Botânico de São Paulo foi fundado em 1928 pelo naturalista mineiro Frederico Carlos Hoehne, quando criou o Orquidário de São Paulo, no bairro Água Funda, sendo considero o marco inicial do então Jardim Botânico de São Paulo, mas só foi oficializado 10 anos depois em 1938. Hoje, são 143 hectares abrigando várias espécies vegetais. Em seu interior foram construídas 2 estufas, que se tornaram a marca do Jardim Botânico, uma abriga plantas típicas da mata atlântica e a outra é destinada a exposições temporárias.

MAIS INFORMAÇÕES

10 – Parque do Carmo (Olavo Egydio Setubal)
Av. Afonso de Sampaio e Sousa, 951 – Itaquera

Todos os dias: 5:30h às 20h

O Parque do Carmo foi inaugurado em 1976, possui 1,5 milhão de m². O bosque tem cerca de 6 mil árvores, entre cerejeiras e eucaliptos, lagos naturais e diversas espécies de animais. Sua estrutura conta com Museu do Meio Ambiente, anfiteatro, aparelhos de ginástica, campos de futebol, ciclovia, pista de cooper, playgrounds, espaço para piquenique, churrasqueiras, quiosques, Monumento à Imigração Japonesa, Viveiro Arthur Etzel e Bosque da Leitura. Desde 1978, é realizada no local a Festa das Cerejeiras, que comemora a florada da árvore símbolo do Japão.

11 – Parque da Água Branca
Av. Francisco Matarazzo, 455 – Água Branca

Todos os dias: 6h às 20h

Mais conhecido como Parque da Água Branca, o Parque Dr. Fernando Costa foi criado em 02 de junho de 1929, para ser um recinto de exposições e provas zootécnicas, onde funcionou a indústria de Produção Animal. O público que frequenta o parque é bem diversificado. Durante a semana, o parque é frequentado por pessoas que praticam caminhadas, corridas, atividades físicas, meditação, passeios, interessadas nas diversas associações de criadores instaladas no parque e estudantes em geral. Nos fins de semana e feriados, a frequência é composta, na sua maioria, por pessoas que procuram o Parque para lazer, visitas as exposições e outros eventos.

12 – Parque da Aclimação
Rua Muniz de Souza, 1.119 – Aclimação

Todos os dias: 6h às 20h

Chamado antigamente de Jardim da Aclimação, o Parque da Aclimação foi sede do primeiro zoológico de São Paulo, e chegou a acolher um urso polar branco do polo norte, um camelo, uma sucuri, um peixe elétrico do Amazonas e hienas africanas. Atualmente, o parque abriga um lago, concha acústica, jardim japonês com espelho d’água, aparelhos de ginástica, pista de cooper e caminhada, além de playgrounds infantis, paraciclo e campos de futebol, voleibol e basquetebol.

13 – Parque da Juventude
Av. Cruzeiro do Sul, 2630 – Carandiru

Todos os dias: 6h às 22h

O Parque da Juventude está dividido em três áreas: Área Esportiva, com 35 mil metros quadrados; Área Central, com 95 mil metros quadrados; Área Institucional, com 120 mil metros quadrados. Possui 8 quadras poliesportivas, 2 quadras de tênis, pistas de skate, ciclovia, playground, pista para caminhada e corrida, estações de ginástica, sendo uma delas exclusiva para pessoas com deficiência. Sua infraestrutura ainda conta com espaço canino, lanchonetes, banheiros, estacionamentos e a Biblioteca de São Paulo.

Confira essas dicas também

Deixe um Comentário